Abordagem sociodramática de pais de crianças que freqüentam sala especial numa escola privada de Ribeirão Preto

Sócio-dramatic appoach to parents with children in a special class in a private school in Ribeirão Preto (SP)

Fernando Carlos Soares
Luiz Pasqualin
Thelma de Paula Borges

RESUMO: Com o objetivo de aprofundar a questão de crianças com dificuldade escolar, delimitando e focalizando o problema na intenção de desenvolver hipóteses para um estudo mais amplo no futuro, propôs-se a formação de grupos de pais de alunos de sala especial de uma escola privada de Ribeirão Preto. A proposta metodológica foi a utilização da abordagem sociodramática para a animação dos chamado “grupos focais”, utilizando na metodologia de pesquisa qualitativa na linha antropológica. Formou-se um grupo de pais com dez componentes, que se reunia semanalmente, durante uma hora. Num período de cinco meses (agosto de dezembro de 1995). Foram realizadas 17 reuniões neste período, com a participação de dois animadores. Após o encerramento das reuniões, pode-se identificar algumas estruturas de relevância surgidas no grupo, tais como: discriminação da sociedade frente a criança “diferente”, ansiedade quanto ao desempenho de seus filhos, dúvidas quanto à forma de lidar como “problema”, vergonha por terem filhos “diferentes”, sentimentos ambivalentes, expectativas frustradas, fantasias quanto a um diagnóstico, conflitos entre cais, além de outras questões. Apesar de um sentimento inicial por parte da equipe, de ter um trabalho “deficiente”, devido à diminuição gradativa do número de participantes no grupo, conclui-se que o trabalho alcançou os objetivos propostos.

Fim do Texto

Clique aqui para voltar para a página anterior